Diário de Colecionadora - Capítulo 4: E quando precisamos recorrer ao SAC?

posted on 0 comentários
Ultimamente, se tratando de Pokémon, só o mangá e TCG são oficialmente produzidos e distribuidos no Brasil. Todo o restante é fruto de importação. Mas nem só de Pokémon nossa coleção é feita e, em algum momento você vai comprar algum toy importado mas por distribuidora brasileira em algum comércio popular (RiHappy, Laura, Seeman, B-Mart, Carrefour, Americanas, etc).
Quando o produto vem em perfeito estado é só alegria. Mas e quando o produto apresenta algum defeito, ou por algum outro motivo você precisa contatar o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) da empresa importadora, como fazer? A Miss passou por esta situação e vai contar o resultado agora!

Por sorte todos os produtos da Panini (responsável pelo mangá) e Copag (responsável pelo TCG) que adquirí até hoje nunca tiveram um defeito ou peça faltando para que eu precisasse recorrer ao SAC. Como a Gaming do Brasil (até então responsável pelos 3Ds, Wii-U e seus respectivos jogos) deu ragequit encerrou suas atividades no Brasil no começo do ano, mesmo que eu quisesse/necessitasse entrar em contato com eles agora, seria impossível. Entretanto eu tive uma experiência muito interessante com a Mattel do Brasil que eu gostaria de compartilhar com vocês.


Essa boneca lindíssima é a Operetta. É minha personagem favorita de Monster High e que coleciono (Minha coleção de Monster High é basicamente todas as Operetta, todas as Jinafire e uma ou outra peça de alguma personagem que gosto). Ela é minha favorita pelos cabelos vermelhos, pelo estilo meio Rockabilly e por ter as roupas/acessórios mais bonitos de todas as personagens de Monster High a meu ver. Ela tem dez versões oficialmente lançadas e dois Fashion Packs, das quais eu só tenho quatro até agora, mas tudo bem. Uma versão específica da personagem gerou algo bem curioso, é essa aqui: a Picture Day ou "Dia da Foto do Terror", como foi lançada aqui no Brasil.



O motivo de curiosidade é nem a boneca em si ou seu figurino em um geral, mas uma peça específica: a máscara. As bonecas ilustram algum filme ou passagem especial do desenho. No desenho em questão a personagem foi retratada com uma máscara em forma de teia de aranha, a máscara mais bonita usada pela personagem até agora; entretanto a Mattel a lançou com a máscara básica em formato de coração que já foi usada por cinco versões da boneca.


Vendo o erro, a Mattel lançou um novo lote dessa Operetta com o toupete um pouco diferente e a tal máscara de aranha. Resultado: A máscara de aranha se tornou um item raro!
Não é a boneca que rarificou, é só a máscara!

EBay sobre a máscara de teia de Aranha

Aí que tá, pagar o preço de umas três bonecas em um acessório está fora de cogitação, assim como quem conseguiu a boneca com a tal máscara não se desfaz dela. Como a esperança é a última que morre, o jeito foi recorrer ao SAC da Mattel com o otimismo de que eles tivessem alguma máscara dessas sobrando por lá pra vender por um valor menos caro que um rim sem pedras.

Achei que nem responderiam meu e-mail, mas a resposta veio no dia seguinte logo pela manhã e me surpreendeu!


O próximo e-mail foi enviando os dados que me solicitaram (é uma lista grande) e fotos do item que eu queria. No caso enviei essa foto do comparativo, e outra que tinha a Operetta com a máscara de aranha ainda na caixa A partir daí, obtive essa resposta:


E fiquei no aguardo. Os dias se passaram e, uma semana depois o carteiro chamou!!
E foi uma felicidade imensa....


...até ver que a máscara era a de coração, e não a de aranha, como eu esperava.... '-'
Foi uma decepção de dez segundos, mas ainda assim não posso negar fiquei feliz em receber a peça, mesmo sendo errada (Minha Operetta Boo York já ganhou uma máscara), não só pelo mimo, mas por toda a atenção vinda da parte do SAC da Mattel, que super indico quando vocês precisarem de algum auxílio com algum produto da marca! Agora quanto a máscara, acabei por comprar a outra Operetta, e procuro por um Fashion Pack para a primeira...


E você? Já precisou recorrer ao sac de alguma fabricante ou distribuidora?? Foi bem atendido? Conte pra gente!
No próximo capítulo do Diário, as postagens começam a ficar mais divertidas, pois vamos falar sobre expositores! Fique de olho!
Até a próxima!
Title: Diário de Colecionadora - Capítulo 4: E quando precisamos recorrer ao SAC?
Rating: 10 out of 10 based on 24 ratings. 5 user reviews.
Writed by ALly DizZzy -Aline Lly