Vamos Falar Sobre: #Pokémon20, amor ou pavor?!

posted on 0 comentários
Enfim, uma de nossas séries favoritas completa 20 anos hoje! Parabéns a todos os envolvidos por terem mantido esse trabalho maravilhoso vivo por durante todo esse tempo encantando gerações diferentes, sem perder sua principal essência e sem reboots muitos absurdos. Todo fã de Pokémon esperou ansiosamente por essa data, que era pra ser algo que nos trouxesse tanta alegria quanto a série em um todo nos trouxe ao longo desses vinte anos, mas a organização acabou tornando a data e principalmente o mês de fevereiro um tanto quanto frustrante. Francamente, o que deu na cabeça desse pessoal?! Vamos falar sobre. Vamos por partes. Vamos lá!


Sobre os colecionáveis:

Desde o vídeo de lançamento do ano comemorativo, nós já sabíamos que haveria um mês dedicado a cada um dos pokémon míticos escolhidos e que além disso o Pikachu teria ao longo do ano seus itens especiais lançando randomicamente, até aí tudo bem. O inferno começou quando alguns desses produtos passaram a ter lançamento exclusivo em lojas específicas (Wallmart, ToysR'Us e Game Stop). TODAS nos Estados Unidos. Se tratando dos míticos, há nenhum lançamento exclusivo para o Japão, o que já gerou algum reclame em alguns países. Qual o problema disso? É que aqui no Brasil é muito mais fácil encontrar revendedores que tragam produtos do Japão do que dos EUA. E os que trazem dos EUA são aqueles revendedores de jogos do Mercado Livre, e adivinha como eles vendem? Da mesma forma que vendem um HG usado a 300 Reais, eles abusam!! E mesmo o Mew bonitinho exclusivo da Game Stop (vide foto), que excepcionalmente hoje nas lojas físicas da Game Stop viria a custar dez dólares, mesmo a gente dizendo que sabe da promoção e mandando print do site, o vendedor insiste em cobrar 200 reais pela peça!!

"Aiiiinnn, mimimi, isso que dá nascer no Brasil".... Só que não! Porque em qualquer outro país que não sejam EUA e Canadá, o problema tem sido o mesmo! Inclusive no Japão! É uma peça bonita que nós fãs adoraríamos ter, mas por causa de uma restrição idiota de país, ter acesso a ela por um valor justo está a ser impossível!!


Mas se teve uma coisa que foi paixão a primeira vista foram as figures da Cynthia e do Steven pela Medicom. Saiu protótipo, pessoal amou, saiu produto final na Wonder Festival, pessoal foi a loucura... Seria uma pena se cada um deles custasse mais que o valor básico de um Megahouse e custasse R$450,00 pelos revendedores finais... Seria uma pena ainda maior se eles resolvessem abrir pré-venda de ambos simultâneamente!! Nem a BANDAI faz isso, gente!!!

Pode ser pior?? Com certeza! A pré-venda de ambos se iniciou no dia 25.02, dois dias antes das celebrações de aniversário, nas quais haveriam inícios de pré-venda de mais duas figures de luxo, sendo estas as mais aguardadas pelos fãs, as mais caras também: Os Nendoroid do Red, tanto a versão Champion, relançamento do primeiro Red, quanto o set com o Green.


Nenhum deles têm valor muito simpático. O set Red+Green está a custar 8100 ienes. O valor de revenda dele está girando entre 500 e 600 reais. O Red Champion foi colocado a venda por 99,99 dólares (400 reais), frete interno grátis na loja do Pokémon Center, frete interno a incluir, na Amazon. Com a comissão do revendedor estadunidense, provavelmente girando entre os mesmos 500, 600 reais, chegando até a 700 com frete (A alfândega é um pesadelo a parte), mas nada que justifique ISSO:

EBay sobre o Red Champion

Como se não bastassem as pré-vendas super restritas (o set Red+Green é exclusivo e não vende para fora do Japão, O Red Champion é exclusivo e não vende pra fora dos EUA), o problema não foi só este. Se por um lado o Pokémon Center do Japão está segurando super bem a marimba da pré-venda dos Red+Green, o Pokémon Center estadunidense manteve a venda do champion por ridículas duas horas (abriu às quatro da manhã, depois das onze ao meio dia) e já retirou o produto do catálogo! Como Google é uma mãe, ele nos dá o link da página, que dá out of stock (sem estoque) não importa quando você olhe. E mesmo o pessoal dos Estados Unidos está revoltado com isso e foi xingar muito na própria página do Pokémon center:

Eu não acredito que esse Nendoroid ficou disponível por só alguns minutos e foi comprado por "carniceiros" (scalpers é outra coisa,"carniceiro" é o termo que eu uso) que agora estão vendendo eles no EBay por valores ridiculamente altos. Não é justo com todos nós eles terem comprado aqui para revender.

 Mudarei minha nota assim que eu puder encomendar um. O período de pré-venda da GoodSmile, mesmo para os produtos exclusivos, é muito mais longo que alguns minutinhos. Absolutamente ridículo.

E tem mais notas de pessoas chateadas com essa situação. Escolhi estas porque definem perfeitamente meu sentimento atual e de muita gente com quem já conversei. Faltou organização da parte deles. Por que o Pokémon Center japonês conseguiu manter a página e as encomendas de pé a partir do momento em que foi lançado e o estadunidense não? Sabem, eu estava olhando a página frequentemente desde às 20 horas de ontem e só vi estoque disponível uma única vez, e quando atualizei a página já não estava mais!!

Até então, eles não se manifestaram em nenhum veículo oficial (Facebook, Twitter, no próprio site), mas por se tratar de pré-venda, sabemos que talvez haja a continuação da saga em julho. Vamos aguardar. Mas por hora, tem muito mais fã colecionador frustrado do que feliz com este bombardeio de lançamentos, na maior parte exclusivos para os EUA e com pré-vendas mal organizadas!


Sobre os jogos:

Quem acompanha as celebrações de aniversário das franquias Nintendo (Zelda, Mario, Kirby, Luigi que ganhou uma celebração só dele, etc) já imaginava que que talvez teria relançamento (e teve mesmo) que iria chover lançamento, mesmo que alguns deles não fizessem muito sentido, e é aí que o Direct de ontem entra.

Pokémon Sun e Moon anunciados como sétima geração, até aí tudo bem, mas... E o Zygarde e suas 800 formas, como fica?! Sério que fizeram aquela papagaiada toda com o lendário para simplesmente deixá-lo no ostracismo?? Porque vamos combinar, geração nova, jogo novo, história nova, qual a lógica de recauchutar lendário da geração anterior? E mesmo que arranjem uma lógica para fazê-lo e a continuação que Kalos Merecia? Pode parecer meio idiota, mas alguns fãs queriam uma finalização digna para Kalos e a sexta geração e a sensação para nós foi tipo isso:


E toda ansiedade boa que poderíamos ter para com Sun e Moon virou um belo balde de água fria, pelo menos agora no primeiro instante. Os jogos estão previstos para o final do ano, mas... E se eu te contar que já tá tendo pré-venda deles?! Não, os aproximados 2000 reais em figure só esse final de semana não foram o suficiente, tem os jogos também! DEU na Mothim, todos os locais de venda, vejam no link!

Temos também o caso do "Go" não "ir" pra todo o mundo simultaneamente. A gente aqui na América latina vai ter que esperar um pouquinho, mas isso é o de menos!
Pokémon Red, Blue e Yellow tiveram seus relançamentos para a noooossa alegriaaaa para ser uma homenagem saudosista e também para intensificar todo o fanservice pra Kanto que tá tendo para que os fãs novatos sejam oficialmente apresentados ao início de tudo. E os velhos problemas com a EShop voltam a tona. Não há versão física das porcarias dos jogos. A EShop brasileira aceita 10% dos cartões de crédito internacionais da praça e nas Eshops Estadunidense e Canadense o valor dos jogos é em Dólar, o que é consideravelmente mais caro. Isso gerou uma revoltinha por parte dos "reacinhas Aiiinnn, nisso que dá votar na Dilma, Bolsomito", que foram os mesmos a migrar pra conta estadunidense há um ano e meio atrás alegando que jogo em dólar era mais barato... Ok!
Por último, lá em cima eu estava falando do Mew e de vendas exclusivas... Pois bem, não é que metade dos míticos vão ter evento para os jogos também com distribuição restrita?! O Mew foi o primeiro deles e claro, no Ebay você não consegue um código por menos de 30 reais (nesse caso, o cartão bonito de coleção não vem junto, se tu quiser o card é de 50 reais pra cima e com frete)

Sobre anime e todo o resto:

Imaginando que vocês devam estar a pensar "lá vem a Miss comparar Pokémon com Sailor Moon de novo", mas vocês vão me entender. Nos vinte anos de Sailor Moon nós fãs ganhamos:

- Anime novo, repaginado, com o enredo baseado no mangá que a gente perturbou a tia Naoko/Toei a vida toda (E moonie que só sabe reclamar ficou de mimimi por causa do traço durante as duas temporadas todas)
- Musicais novos, lindos de viver (no Japão, mas com transmissão ao vivo pelo Crunchyroll pro mundo todo, viu)
- Relançamento do mangá com novas artes de capa e liberação para o mundo todo (coisa que antes era super restrita)
- Alguns países ganharam o anime e filmes antigos em DVD/BD com novas artes de capa, remasterização, redublagem, e tudo o que se tem direito.

Detalhe que tudo isso foi anunciado no dia do aniversário.
Pokémon ganhou o relançamento dos filmes e... só! Poderia ter ganho aquele anime mais maduro, que boa parte dos fãs cobram há anos, no estilo do Origins (fanservice pra fã de Kanto, mas ok), baseado no mangá Adventures ou nos jogos? Poderia! Poderia ter relançamento da primeira temporada em DVD? Claro que poderia! Poderia ter edição Deluxe do mangá Adventures e a Panini trazer pra gente? Claro que sim, por favor! Dá tempo ainda!!
Mas acontece que o dia 27 já acabou lá no Japão, daqui a pouco acaba nos EUA e nada de surpresas agradáveis como esta....

Aqui no Brasil:

A única distribuidora oficial de produtos de Pokémon no Brasil atualmente é a Copag, que se organizou muito bem e promoveu eventos! Tá de parabéns! Tanto pela organização quanto pelo trato ótimo que tem dado ao TCG durante esses anos todos. Eu estava mesmo esperando uma surpresa da Panini anunciando a saga Red/Blue/Yellow do mangá... Ok, ainda não foi dessa vez, mas a esperança é a última que morre!
Aqui em São Paulo a N-Party se uniu a LOP e fizeram um evento super legal, do qual eu não pude participar porque estava a trabalhar e redigir esse textão.


Enfim, estamos no começo do ano só. Dá tempo de lançar muita coisa de termos surpresas, mas que estas surpresas sejam boas!! Que tenham lançamentos, mas que não lancem tudo de uma vez, que o façam de uma forma democrática e reduzam as restrições. Que fãs de todo o mundo possam ter acesso a tudo o que for lançado sem ter que pagar uma fortuna por isso, não por cotação de dólar, mas por abuso!!
E Panini, pensa com carinho em lançar o mangá Adventures das primeiras sagas, vai?! ;)
Title: Vamos Falar Sobre: #Pokémon20, amor ou pavor?!
Rating: 10 out of 10 based on 24 ratings. 5 user reviews.
Writed by ALly DizZzy -Aline Lly